Categoria: Notícias do Marketing

Instagram revela que vai focar em vídeos para brigar com TikTok

Instagram revela que vai focar em vídeos para brigar com TikTok

O CEO do Instagram, Adam Mosseri, falou com os usuários em  um post nas redes sociais e detalhou alguns planos futuros para a plataforma e ao que parece, os vídeos são o próximo grande foco do aplicativo.

Segundo ele a ideia agora gira em torno de quatro áreas: criadores, compras e mensagens e vídeos.

Adam relatou que o vídeo está gerando um crescimento enorme em todas as grandes plataformas e é algo que o Instagram precisa dar mais atenção.

Changes are coming to video on Instagram 📺At Instagram we’re always trying to build new features that help you get the most out of your experience. Right now we’re focused on four key areas: Creators, Video, Shopping and Messaging. pic.twitter.com/ezFp4hfDpf— Adam Mosseri 😷 (@mosseri) June 30, 2021

Como isso pode nos impactar?

A produção de vídeo exige mais dos criadores, que precisam trabalhar muito mais o seu lado criativo para alcançar bons resultados. Mas no meu ponto de vista essas mudanças podem ser positivas desde que a plataforma insira um campo de buscas permitindo encontrar vídeos por títulos como é o caso do Youtube dando espaço também ao IGTV.

Se o foco continuar exatamente como o TikTok que é a maior probabilidade, a mídia continuará sendo muito rápida o que exigirá muita atenção e tempo dos criadores, mas também possuí um lado muito positivo que é a ideia de ter Stories por assinatura, permitindo a propagação de diversos cursos e mentorias seguindo esse formato.

Além disso se você pensa em crescer na rede social, essa pode ser uma grande oportunidade, até todos os criadores conseguirem migrar para esse formato de vídeo vai ter muito espaço para aproveitar além do mais é provável que o Instagram aumente o alcance por um tempo para motivar os criadores a irem para esse caminho.

Essa mudança pode impactar o perfil de pessoas mais velhas

O Instagram possuí vários usuários com idade mais avançada, com a velocidade da produção de conteúdos e ferramentas técnicas esse perfil pode ser afetado diretamente fazendo com que o Instagram tenha cada vez menos usuários nesse perfil.

Como viver de conteúdo sem depender somente do Instagram

Apesar de muitas pessoas focarem somente no Instagram para produzir conteúdos, existem outros caminhos que possibilitam viver exclusivamente da internet como: blog, podcast, youtube entre outros.

Se você quer aprender diversificar sua produção de forma estratégica para crescer na internet conheça o meu método onde te ensino produzir conteúdo do zero até a venda do seu produto.

Clique aqui para conhecer o Método OGS

IoT é considerada ferramenta indispensável para o sucesso de seu negócio, segundo pesquisa

De acordo com pesquisa realizada pela CI&T em conjunto com a Opinion Box, restou demonstrado, por 44,8% dos participantes da pesquisa, que a Internet das Coisas (IoT) é ferramenta indispensável para o crescimento dos negócios. Seguida por Computação em Nuvem, Inteligência Artificial (IA), assistente virtual e tecnologias de Realidade Virtual, Realidade Aumentada e Realidade Mista.

A pesquisa também abrangeu a questão do processo de digitalização dos negócios em 2020, onde apenas 22% dos participantes adotaram algumas medidas. Porém, 37,8% dos executivos participantes ouvidos no estudo afirmaram que várias ações foram tomadas, o suficiente para garantir a digitalização. E somente 10,8%  dos entrevistados o negócio já estava totalmente digitalizado já em 2019.

A pesquisa também verificou a relação dos profissionais dessas empresas com a tecnologia. Constatou-se que 58,3% dos líderes empresariais participantes afirmam que habilidade com tecnologia e informática serão competências técnicas necessárias. A pesquisa também questionou os líderes empresariais sobre metodologias que poderiam ajudá-los a agilizar os processos nas companhias. Segundo os participantes, o  Canvas foi a metodologia citada como a mais importante. Design Thinking e Agile, vieram logo depois.

Indústria de Alimentos: veja as 5 tendências para 2021

Desde o ano passado novos comportamentos de consumo foram estabelecidos, como a busca por bebidas voltadas ao bem-estar, relaxamento e produtos com café

Nos últimos cinco anos, os hábitos alimentares dos consumidores mudaram e isto impactou a forma com que a indústria lida com o mercado. Mais itens saudáveis foram colocados na prateleira. O ano de 2020 aumentou o volume de compras on-line, o consumidor passou também a valorizar rótulos autoexplicativos, claros e composições sem aditivos químicos. 

Veja estas cinco tendências para o setor ainda este ano:

alimento para o cérebro: as marcas pretendem investir mais em insumos que podem potencializar a clareza mental e memória, e os produtos podem vir em categorias como águas com gás, substitutos de refeição e bebidas energéticas desenvolvidas mais para o foco do que velocidade. A companhia Numi Organic Tea, introduziu uma linha de super shots orgânicos diários em cinco variedades, as doses apresentam chás, ervas, frutas, raízes e especiarias orgânicos combinados para maximizar o sabor e a função.

alimentos que auxiliam o sono: buscando promover qualidade no sono, tais alimentos devem despontar no mercado esse ano, fomentado pelo impacto mental causado pelo isolamento social onde surgiram queixas de insônia recorrente. Novos lanches, sobremesas e bebidas aproveitam insumos naturais, frutas e outros ingredientes nutritivos que atuam no relaxamento, acalmam a mente e ajudam na transição de dias ocupados para um sono tranquilo. 

As companhias estão inovando nas combinações de ingredientes que visam auxiliar o consumidor, nisto incluem-se a lavanda e passiflora, magnésio com caseína de proteína derivada do leite e cerejas ácidas que são ricas em melatonina.

100% cacau: O sabor original do cacau, bem como os ativos dele passaram a ser mais valorizados pelo consumidor. Os fabricantes surgirão com confeitos feitos de chocolate misturado com a polpa pura, o que significa menor quantidade de açúcar no produto final.

Variedades de café: com o aumento de profissionais em home office, muitos fabricantes de café estão inovando para atender as demandas do consumidor por uma dose da bebida de forma diferenciada. Novos formatos convenientes estão tornando mais fácil do que nunca preparar e saborear sua xícara matinal.

Diante disso, está surgindo o café que ferve como um saquinho de chá, discos de café congelado de alta engenharia que dissolvem em água quente e até uma espécie de manteiga, só que de café, para passar no pão ou então usar em recheios, como o da Nudge Coffee Butters.

Bebidas em lata: Tantas bebidas chegaram às latas em 2020 que inclusive gerou uma escassez da embalagem. Muitos estilos de bebidas agora vêm em latas práticas e recicláveis. Além de bebidas alcoólicas, há mais café, chá e kombuchá em 2021.  Outra tendência é o vinho enlatado.

Na esperança de substituir os bares, é o aumento dos coquetéis em lata. Eles podem variar no nível de álcool, alguns com zero de álcool, se encaixando perfeitamente na tendência ainda crescente de baixo/sem álcool. As empresas de embalagens devem focar na produção sustentáve e olhando para a próxima geração de alumínio produzido com pegadas de carbono mais baixas para substituir as de plástico.

Tesla Gigafactory Berlin: produção em breve

A Tesla Gigafactory Berlin está agora na fase da instalação de equipamentos de produção, mas não tem aprovação para iniciar os trabalhos.

Mesmo sem a aprovação final do projeto, a Tesla avançou com a construção na Gigafactory Berlin.

A empresa enfrenta certa resistência por parte de ambientalistas com relação ao desmatamento e levanta preocupações acerca do abastecimento de água no local da nova fábrica perto de Berlim.

Buscando não parar com o projeto, a montadora decidiu avançar com licenças individuais, e a estratégia tem lá seus próprios desafios.

Um novo relatório da Handelsblatt – publicação alemã que tem acompanhado de perto o projeto – por meio de seus pedidos de licença, afirma que a Tesla ainda pretende iniciar a produção em julho, e que a montadora poderia potencialmente obter a aprovação final no próximo mês.

De acordo com o o ministro do meio ambiente de Brandenburg, Axel Vogel, a Tesla atualmente tem um caminho para alcançar a produção experimental sem a aprovação ambiental final para a Gigafactory Berlin.

Mas, a montadora necessita da aprovação final para iniciar a produção em massa de seus veículos elétricos.

Tesla Gigafactory Berlin é sem sombra de dúvidas o projeto de maior importancia da montadora em 2021.

A empresa só irá vender o Model Y na Europa quando veículo for produzido na nova fábrica.

Além do Model Y, a Gigafactory Berlin também vai produzir células de bateria 4680 e será o primeiro veículo de produção a usar a nova arquitetura de bateria estrutural da Tesla.

Portanto, a pressão sobre a Tesla só aumenta, para que cumpra a sua programação de iniciar a produção na Gigafactory Berlin.

Mercado Livre vai aportar R$ 10 bi no Brasil este ano

Companhia irá destinar estes recursos na área de logística, e também ampliar a oferta de crédito e também de produtos em seu marketplace 

O Mercado Livre vai investir cerca de R$ 10 bilhões no Brasil ainda este ano, buscando melhorar seu posicionamento em seu principal mercado. A companhia enxerga a América Latina como a região de maior crescimento do comércio eletrônico no mundo e para isso destinará os recursos para área de logística, além de ampliar a oferta de crédito  e de produtos em seu marketplace, como de supermercados. 

O valor foi anunciado após o crescimento exponencial das operações no quarto trimestre. O faturamento do Mercado Livre bem dizer dobrou no período, isso indica que o comércio online seguiu ganhando terreno. A receita líquida somou 1,3 bilhão de dólares de outubro a dezembro, alta. 

As empresass da categoria têm anunciado investimentos bilionários em logística nos últimos meses para ganharem escala na América Latina, região onde o comércio online mais cresce no mundo, segundo dados da consultoria e-Marketer. 

Carregando

Renan Levinski

Host de um dos Maiores Podcasts sobre Marketing Digital do Spotify, consegui resultados incríveis em 6 meses, sou apaixonado por: Marketing Digital, Empreendedorismo e Amo Ensinar ❤.

Start Digital Curso Grátis